4 razões para investir em marketing de conteúdo no ano que vem

O marketing de conteúdo é uma estratégia inovadora, que simplesmente reinventou a maneira como as empresas interagem com seus consumidores e possíveis clientes por meio de diversas ferramentas disponíveis na internet. E o melhor é que, ao contrário do que muitos podem pensar, a técnica dispensa investimentos absurdos! E é por essas e outras que, especialmente em um ano de crise, o marketing de conteúdo acaba se tornando um importante aliado para qualquer empresa. Quer saber mais? Então continue lendo nosso post de hoje e entenda melhor como o método pode ajudá-lo a atingir seus objetivos e por que você deve começar a investir em conteúdo o quanto antes! Vamos lá?

Baixos custos

Acredite: começar uma estratégia de marketing de conteúdo definitivamente não requer muito investimento. Isso porque é preciso, basicamente, contar com um bom site — que você possivelmente já até tem —, um blog — que pode ser desenvolvido gratuitamente em alguns servidores — e tempo para produzir conteúdo de qualidade para seus potenciais clientes. A verdade é que a estratégia propriamente dita requer muito mais dedicação que dinheiro!

Afinal de contas, é preciso desenvolver um bom planejamento, que considere as dores de seus potenciais clientes, suas dificuldades e dúvidas, além de pesquisar o mercado para ver o que já está sendo produzido, criar uma pauta e colocar a mão na massa! Para isso você pode usar ferramentas como as redes sociais — Facebook, Twitter e LinkedIn, por exemplo — e o sempre atual e-mail marketing para começar a divulgação do seu conteúdo. Falta de orçamento certamente não será um problema.

Boa segmentação

Outro ponto pra lá de positivo da produção de conteúdo no mercado do marketing diz respeito à capacidade de segmentação das mensagens para públicos específicos. Nesse caso, uma prática extremamente recomendada é a criação de buyer personas, personificações fictícias de seus consumidores ideais. Com essa delimitação você consegue determinar a linguagem que deve ser utilizada, as redes sociais onde deve divulgar o conteúdo e até o formato do material — se deve ser texto, vídeo, podcast e assim por diante. Isso torna sua estratégia mais assertiva, otimizando a aplicação do seu orçamento e aumentando significantemente os resultados.

Mensuração precisa

Aqui talvez esteja a principal diferença entre uma estratégia de marketing de conteúdo e outra de marketing tradicional: ao usar ferramentas grátis disponíveis na rede — como o Google Analytics e o Facebook Insights —, é possível obter com grande precisão os resultados de cada uma das ações realizadas. Você poderá detectar, por exemplo, se seu público consumiu mais um vídeo ou um texto, se o tema A é melhor que o tema B para publicar no blog e por aí vai. Dessa maneira passa a ser possível investir mais tempo e recurso no que gera melhores resultados e buscar outras alternativas para os conteúdos que não têm o impacto esperado.

Maior alcance

O conteúdo possui uma característica muito importante: simplesmente não para de gerar resultado! Ao contrário de um anúncio que sai do ar em determinado momento, um artigo publicado no seu blog segue atraindo cada vez mais visitantes. Por isso é que se diz que uma estratégia de conteúdo se concretiza a médio e longo prazos. De acordo com a relevância do tema abordado, a curva representativa do número de visitas orgânicas tende a subir constantemente até atingir um número significativo de visitas. E isso em relação a apenas um artigo! Agora imagine todo um blog com conteúdo bem feito! Promissor, não?

Com o marketing de conteúdo já mais que consolidado no mercado, o segredo está em não perder mais tempo, começando agora mesmo sua estratégia! Ficou ainda com alguma dúvida? Pronto para dar esse salto nos resultados do seu negócio? Comente aqui e divida suas impressões e seus planos conosco!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *